22 de novembro de 2011

Muito café, poucos cálculos e demasiadas crônicas


Das coisas de nossa vida, cabe aos exageros dar espaço há um pouco daquilo que somos. É isso mesmo, exagero, pouco, ser... O que somos, transborda e para todas as outras coisas, é um travestimento das emoções. Veja, a gente acorda e pega café, um pouco de café, muito café. Independente da quantidade, eu prefiro o muito, para um dia grande, pois tenho a consciência que até voltar a deitar, muita coisa vai rolar. E não digo naquela cochilada do meio da tarde. Falo do fim, quando encerramos mais um ato nessa casa chamada Terra. Café traz a sensação de resgate, um sabor de vá a luta... E assim vamos seguindo, tomando e cultivando o pão nosso de cada dia.

Podíamos diariamente levantar e chorar, sabe o por quê? Somos seres humanos e estar, ser, viver é desconcerto, mas também podemos encarar a nossa vida, como presente do Menino Azul, de um Deus, do Senhor Oxalá. Podemos ter certezas, que par nós sejam absolutas e por essas outras coerências ou total falta delas, temos o direito de escrever o nosso cotidiano. Pode ser que ninguém venha a nos enxergar, pois somos mais um no meio da multidão. Não interessa. Se metade de nosso ser “humano” compreendesse que não precisamos de aplausos e nem de platéia, tão logo teríamos chegado aos palcos principais, os de nossas vidas. Não somos vistos e nem reconhecidos? Agradeça, pois assim pode ensaiar o tempo que for não somos atores que fazem vidas de mentirinhas. Somos atores de nossas cenas e o nosso teatro é a vida real, labuta, lágrimas e suor. Di-a-dia!

O problema está em sempre estarmos querendo somar, multiplicar... Aprendemos que não se deve subtrair, mas eu digo que também não somos obrigados a adicionar e tornar vezes as nossas e as coisas dos outros. A vida não é um irremediável cálculo, não, a gente apenas compartilha. Não dou nome matemático às coisas da minha, nossa vida. É triste, pois sempre depois da adição, vem a subtração e em seguida a multiplicação e a divisão e o que nos resta? Nada. A gente compartilha, doa e quando necessitado, de forma humilde, pede. Imagina se na vida tivemos que ser Bhaskara, quando de fato só precisássemos ser gente?

Ser o que somos representa muito mais que os livros de auto-ajuda querem nos transformar. É maior que os pecados confessos em Igrejas e muito mais que um, dois ou três demônios que dizem possuir o nosso corpo e dá show em tantas Congregações. O que somos, é o que realmente criamos. Somos e temos o direito de sermos, como sempre digo inúteis, temos o direito de sermos anjo e demônio de nós mesmos e cabe, somente a nós, seres humanos mudar, transformar e seguir em frente com a nossa vida. O resto é balela. Não existe um “a” alheio que formará o nosso alfabeto, assim como não há sujeito sem predicado. E depois de tudo terminado, pedirei de forma contundente muito café, poucos cálculos e demasiadas crônicas. Claro, meu cigarro, por favor!

13 comentários:

Nação Esmaltada disse...

Bom texto,parabéns!http://nacaoesmaltada.blogspot.com/

José L. disse...

Aprendemos a caclcular quando crianças, e depois pensamos que tudo funciona assim. Belo texto.

Estefanny Ficher Bynha disse...

oi estou te seguindo me siga tambem e retribua!

http://debysabetudo.blogspot.com/

Thais Faria disse...

"...Independente da quantidade, eu prefiro o muito, para um dia grande..."
Bom dia pra você sr. escritor. Sua frase vai pro meu twitter srsrss...
mandou bem nas palavras!

Blog UaiMeu! disse...

Uma xicara de post é inspirador para qlq pessoa.

abraços

Marcela Melo disse...

Texto muito bom...
o blog é interessante...
Só as fotos piscando aqui do lado que chama muito a atenção e desvia a concentração da leitura.
Eu tiraria elas para dar enfase aos textos em si

http://mmelomaisdomesmo.blogspot.com/2011/11/tempo.html

Nina Boom disse...

"viver é desconcerto"... e concertar as coisas... Lindo texto!!!

Maíra Cintra disse...

Toda vez que venho tem algo diferente! Parabéns pelo post, adorei!

Camila Carvalho disse...

Legal seu blog, voltarei sempre :D
Faz um favorzinho pra mim? Vota no Garota Ambulante na enquete que ta rolando no http://perfeitinha-blog.blogspot.com/, por favor? É a primeira enquete do lado direito do blog =)
beijinhos, garotambulante.blogspot.com

Blog UaiMeu! disse...

Gostei do novo layout do blog!
Parabéns!

Filipe Dias disse...

bacana, gostei

Café de Fita disse...

nossas mentes são berços interminaváis de ideias, mesmo que não realizemos nenhuma das grandes ideias outras irão surgir, é tudo um puta jogo de cintura, ter ideias concretiza-las e deixar algumas morrendo...

com no minimo 1 litro de café por dia...

http://cafedefita.blogspot.com/

Tiago Guillen

Bruno Coriolano disse...

UM BLOG COM MUITAS IDEIAS.
http://portaldalinguainglesa.blogspot.com/