1 de janeiro de 2012

2012

O que foi até ontem, passou, virei, ou melhor, viramos a página. Das coisas que devemos levar só as boas: recordações, amizades, afetos, realizações. O que é fracasso deixe para traz, assim como os pesadelos, como as angústias, desesperos, aflições... Hoje, como todo amanhecer é um dia novo, mas hoje é hoje.

Sempre que acordar, que assim mesmo, ter certeza que o dia está bom e se não me vier essa satisfação, que eu saiba que é dia de reflexão, que ninguém tem culpa da minha “cara amarrada”. Que é momento de silêncio. Não trago um coração seguro de nada, mas quero, desejo e assim espero, que a cada fim de dia, assim como o sol que se vai, eu possa ir e encontrar um porto seguro. É como promessa: amigos sinceros, familiares sinceros. Um eu, tu ele totalmente sinceros. Com o que? Comigo, contigo, com eles, com todos.


Olá 2012, muito prazer, meu nome é humano e tenho um monte de coisa para te falar. Por favor, sente-se... Parece conversa de louco? Pois assim é. Loucura, sem prescrição médica é loucura da vida e disso ninguém escapa. É bom o desequilíbrio de vez em quando, como é bom a sanidade em outras tantas ocupações. Como o que passou, ficou e o que vem, ainda não chegou. Vibrar pelas coisas boas faz parte de nossa vida, mas correr atrás do que se quer também é a melhor forma de concretizar tudo aquilo que aspiramos. Claro, escrevendo é fácil, lendo mais ainda, mas não conhecendo que a vida está aí e de portas abertas para nós é pior que apenas querer. Talvez não seja o nosso momento, sejamos realistas, mas nunca derrotados diante de um sonho. Mas entenda que sonho é diferente de ilusão. Aliás: estamos sonhando ou nos iludindo?

– Sonhos, realizações, sucesso, verdades, barquinhos ao mar. Amor, alegria, satisfação, entrega na cachoeira. Amigos, família, círculos sociais do bem, oferendas. Barquinho ao mar ou entrega na cachoeira, minhas oferendas. Cada um sabe bem como fazer o rito de passagem de ano. Não toquem as crenças alheias com desdém. Repito: todo ser humano na hora que o calendário se situa em um 1º de janeiro, pensa, vibra, sente, deseja, consciente ou inconscientemente. Por quê? Simples! Pois não importa o nome, a condição social, o credo religioso ou a não profissão de alguma fé. Não interessa a sexualidade – entenda sexualidade como masculino e feminino, senão vira mercado de gente com sensibilidade à flor de pele demais -, a cor, os amigos, a família que nasceu. No final, todo mundo é igual e as condições humanas são basicamente iguais para todos.

Que em 2012, já no seu primeiro instante seja um prelúdio de como será os 366 dias. Dizem que o que estivermos fazendo na “virada” é como será o restante do ano. Então, coisas boas iremos fazer, porém se nos faltar a criatividade ou a vontade, que a cada dia que levantarmos, possamos fazer a escolha de um novo dia começando em nossa vida, afinal, até o próximo Ano Novo, podemos e temos o direito de recomeçar e fazer uma virada em nossa vida.

4 comentários:

Caíque Fortunato disse...

Feliz 2012, sucesso e tudo de bom para mais esse ano!!!
muito legal o texto.

http://entrepaginasdelivros.blogspot.com/

reinaldo del trejo disse...

Cara, gostei tanto do seu texto, que ele me inspirou para escrever um parecido, desculpe se parecer copia, mas é que ficou tão bom, que vou me basear nele.
Mas falando sobre, é tudo verdade que você citou acima, com o passar de datas, todos ficam esperançosos de algo bom acontecer, é claro que é apenas mais um passar de páginas, mas nós seres humanos precisamos desse tipo de embalo para podermos viver sem chegar na loucura.
Espero sinceramente que o meu ano não seja como minha passagem de ano...
Sabe, já bebi muito na minha vida e sabia que ontem seria minha ultima vez que beberia, e sabe o que aconteceu?
Fiquei tão bêbado, que nem sei quem me deu um banho, mas to com a sensação que vomitei para caralho, mas enfim.
Espero que meu ano seja muito diferente disso, kkkkkkkkk
Senão vou passar o ano inteiro bêbado...

Visite meu blog cara, e já aviso, terá um post parecido :D


http://reinaldodeltrejo.blogspot.com/

Abraços :D

Caroline disse...

2011 acabou... Passou tão rápido mas teve um poder de marcar incrível.

Te desejo um ÓTIMO 2012 e que seja realmente tempo de novidades para ti!

Mário Oliveira disse...

ainda nao caiu a fixa q é 2012..espero melhorar bastante esse ano